Sonhar acordado é imaginar o que se deseja que aconteça. Esse tipo de Sonho é imprescindível para se manter jovem!  Acredito que se começa a envelhecer quando se perde a capacidade de sonhar.

Você também sonha enquanto dorme.

O sonho é uma experiência que possui significados distintos em função do enfoque: religião, ciência e cultura. Para a ciência, é uma experiência de imaginação do inconsciente durante nosso período de sono. Para Freud, os sonhos noturnos são gerados, na busca pela realização de um desejo reprimido.Em diversas tradições culturais e religiosas, o sonho aparece revestido de poderes premonitórios ou até mesmo de uma expansão da consciência. (Wikipédia)

Algumas curiosidades sobre os sonhos:

1. Você Sonha Toda a Noite.

É provável que você sonhe toda a noite, e não se lembra por 2 motivos: você se lembra quando acorda (ou é acordada) no meio do sonho e quando as imagens o impressionam de modo a serem guardadas no seu cérebro.

A neurologista Rosana Cardoso, disse:  “O ideal é que você não se lembre muito dos sonhos, porque se você dormir a noite inteira de forma contínua, sem acordar muitas vezes, é porque completou o ciclo sono”.

2. A noite de sono é dividida em quatro fases:

  • Primeira fase – Sono leve e você pode ser acordado facilmente.
  • Segunda fase – O corpo relaxa e você dorme um pouco mais profundo.
  • Terceira fase – Quando o sono é mais profundo.
  • Quarta fase – Sono REM – O sono R.E.M., ou Rapid Eye Movement (“movimento rápido dos olhos”), é a fase do sono na qual ocorrem os sonhos mais vívidos. Durante esta fase, os olhos movem-se rapidamente e a atividade cerebral é similar àquela que se passa nas horas em que se está acordado. (Wikipédia)

Antigamente, os cientistas pensavam que os sonhos só ocorriam na fase REM, mas pesquisas têm demonstrado que apesar de menos frequente, também ocorrem na fase 1 e 2 do sono.

Os sonhos da fase 1 e 2 costumam durar menos tempo, serem menos emotivos e visuais e a estar mais relacionados com as memórias e preocupações do dia. Já os sonhos que parecem filmes estão associados ao sono REM.

O sonhos irão refletir a ansiedade e as preocupações do seu dia a dia.

Durante a noite, pensamentos que estão reprimidos podem ser liberados em forma de sonhos.

Quando ocorrem pesadelos frequentes é preciso procurar ajuda, pois podem estar associados a episódios de violência e ao transtorno do estresse pós-traumático. (Dra.Rosana Cardoso)

3. Sonhos Lúcidos.

Existem ainda os sonhos lúcidos, isto é, quando a pessoa tem consciência de que está sonhando.

“Durante o sono REM a pessoa não acorda bruscamente, é como se o cérebro acordasse aos poucos, com micro-despertares, e, nessa transição, a pessoa poderia ter um sonho lúcido mais prolongado”. (Dr.Arturo, cientista da UFRN)

Segundo os cientistas ainda não foi possível identificar qual seria a função específica dos sonhos, ainda que se sabe da importância dos sonhos para a memória e a aprendizagem.

Fonte: Marcelle Souza, UOL,  São Paulo – 17/10/2017

A Bíblia que não é um livro de Ciências, mas está cheia de verdades científicas, diz o seguinte sobre os sonhos:

1. Sonho é realização de desejos: “Será também como o faminto que sonha que está a comer, mas, acordando, sente-se desfalecido e sedento…” (Isaías 29.8)

2. Sonho também pode ser revelação de Deus.  

Muitos são as histórias em que Deus revelou a Sua vontade através de sonhos: “Em sonho ou em visão de noite cai sono profundo sobre os homens, quando adormecem na cama, então, lhes abre os ouvidos e lhes sela a sua instrução…” (Jó 33.15-16)  

Momento Coaching

Enquanto você dorme, seus sonhos são felizes ou de angústia?

Você continua sonhando acordado?

Como tem sido os seus sonhos, enquanto acordado?

Seus sonhos lhe motivam a crescer, a realizar, a ser uma melhor pessoa?

Que tal ter um sonho tão grande, que lhe dê motivação, para todo o dia levantar da cama cheio de energia para fazer o que for necessário na realização do seu sonho?

Club Mindset do Relacionamento é uma plataforma online onde você pode construir o seu Mindset, a sua Auto Estima e o seu Relacionamento.

Compartilhe!
Categorias: Saúde Mental

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *